orelhao2

    As ligações feitas de orelhões da Oi no Rio Grande do Norte, como também em outros oito estados do país (AL, BA, CE, MA, PA, PB, PE e PI) devem continuar gratuitas até 31 de março de 2019, informou a Agência Nacional de Telecomunicações.

    Segundo a Anatel, nesses nove estados a Oi não cumpriu as metas de disponibilidade de orelhões em funcionamento. Essas metas preveem um percentual superior a 90% nos estados e de mais de 95% nas localidades sem telefone fixo individual.

    A Anatel informou que as chamadas permanecem gratuitas pelo menos até 31 de março. Em 28 de fevereiro, a agência fará uma medição da disponibilidade dos orelhões.

    Após essa medição, definirá em quais estados a cobrança poderá voltar a ser feita a partir de 1º de abril de 2019 e em quais estados a gratuidade continuará valendo.

    Em nota, a Oi informou que cumpre a determinação da Anatel e acrescentou que, “como os orelhões da empresa estão instalados em vias e estabelecimentos públicos, sofrem, diariamente, danos por vandalismo”.

    A empresa informou ainda que mantém um programa permanente de manutenção de seus telefones públicos.

    G1RN

    comentarios