64580c58b2cba92

    Na manhã desta quarta-feira (30), 70 máquinas caça-níqueis, apreendidas ao longo do ano de 2018, durante ações realizadas por diversas unidades da Polícia Civil do Rio Grande do Norte foram destruídas e incineradas na Cerâmica Santa Rosa, em São Gonçalo do Amarante.

    A ação foi possível mediante a assinatura de um Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) entre a Corregedoria Geral de Justiça, Polícia Civil e o Instituto Técnico-Científico de Perícia (ITEP). A logística de transporte das máquinas caça-níqueis foi realizada pela Diretoria Administrativa da Polícia Civil.

    Por Ariel Dantas
    AUTO

      A Prefeitura Municipal São Gonçalo do Amarante/RN, através da Fundação Cultural Dona Militana, vai contar a história do padroeiro da cidade em um espetáculo musical. O Auto do Santo Gonçalo estreia nesta sexta-feira (1), às 20h, no patamar da Igreja Matriz, Centro.

      Com duração de 1h e 10 minutos, ao ar livre, a vida e peregrinação do pároco Gonçalo, o beato que pregava gratidão, bondade e misericórdia, serão abordados no palco. “São justamente esses temas que queremos abordar no espetáculo para provocar uma reflexão nos espectadores. Será que estamos, verdadeiramente, sendo cristãos?”, observa Flávio Henrique, presidente da Fundação Cultural.

      No sábado (2) terá uma segunda apresentação, no mesmo horário e local. A direção do espetáculo é de Gleydson Almeida, com texto e trilha sonora de Danilo Guanais.

      3a83088b126f44cd80335113145a7977

        São Gonçalo do Amarante registrou em 2018, até dia 29 de janeiro, um total de 10 CVLIs. Este ano, dois aconteceram; o que representa uma redução de 80%. A cidade está há 19 dias sem registrar morte violenta.

        Natal, apontada como uma das mais violentas do país, passou sete dias sem registrar homicídios. Isso não acontecia há pelo menos 7 anos. Dos dias 19 a 25 de janeiro, nenhum Crime Violento Letal Intencional (CVLI) foi registrado na cidade. A última vez que isso aconteceu foi de 7 a 13 de abril de 2012.

        Atualmente, desde o dia 27 (domingo) também não são registrados homicídios na capital. Esse é um dos índices que atesta a redução no número de assassinatos na cidade. Em 2018, até o dia 29 de janeiro, Natal havia registrado 46 assassinatos. Em 2019, até a tarde desta terça-feira (29), foram 27, o que representa redução de 41,3%.

        De acordo com o “Atlas da Violência 2018 – Políticas Públicas e Retratos dos Municípios Brasileiros”, estudo produzido pelo Ipea que usou dados de 2016, Natal era a 3ª capital mais violenta. Com 62,7 homicídios para cada 100 mil habitantes, a capital do RN só perdia para Aracaju (SE), com 73; e Belém (PA) com 73,1.

        Com informações do portal OP9
        3a83088b126f44cd80335113145a7977

          Dezoito bairros e conjuntos entre a Zona Norte de Natal e São Gonçalo do Amarante vão ficar sem água na terça-feira (5). O motivo é uma manutenção preventiva, programada para a Estação de Tratamento de Águas (ETA) de Extremoz, na Região Metropolitana. O equipamento é responsável pelo tratamento da água que abastece 70% da região Norte da capital.

          Para a realização do serviço, o fornecimento de água será interrompido durante todo o dia, sendo o abastecimento retomado no fim da noite. A normalização da distribuição deve ocorrer em até 48h, de acordo com a Companhia de Águas e Esgotos do RN (Caern). Os bairros e localidades que ficarão desabastecidos são os seguintes: África, Algimar, Alvorada, Amarante, Golandim, Igapó, Jardim Lola, Nova Zelândia, Panatis, Parque dos Coqueiros, parte do Conjunto Santarém, parte Gramoré, Potengi, Redinha (nova e velha), Riverside, Santa Inês, Soledade I e Vale Dourado. Os demais bairros terão redução no abastecimento.

          Durante o serviço será realizada a manutenção da subestação elétrica da ETA, que permitirá um melhor funcionamento da estrutura, segundo a Caern, evitando possíveis oscilações. Além disso, será feita a limpeza de toda a estrutura de tratamento, para assegurar a qualidade da água fornecida para a população.

          A recomendação da Companhia é que os moradores desta região reservem água para o período e que, principalmente, utilizem a água de forma racional.

          G1RN
          3a83088b126f44cd80335113145a7977

            Criminosos foram flagrados por câmeras de segurança enquanto roubavam a motocicleta de um motoboy na noite desta segunda-feira (28), no município de São Gonçalo de Amarante, na Grande Natal. Segundo a polícia, os bandidos levaram o veículo do entregador após realizarem um arrastão a uma residência momentos antes.

            De acordo com o coronel Fábio Araújo, comandante do 11° Batalhão de Polícia Militar, responsável pelo patrulhamento da área, antes de levar a motocicleta do motoboy, os bandidos fizeram um arrastão em uma casa e tentaram levar o veículo da residência.

            “Eles saíram no carro, mas o veículo tinha bloqueador e acabou parando. Por causa disso, eles roubaram a motocicleta do motoboy para fugir”, revela. Durante a tentativa de fuga, um dos criminosos – que está de camiseta azul no vídeo – foi detido pelos policiais militares.

            Ainda de acordo com o coronel, o rapaz preso se apresentou como sendo Anderson Silva de Oliveira, militar da Marinha do Brasil. Ao ser detido pela PM, o suspeito disse ter sido coagido pelo outro acusado a realizar a ação criminosa.

            Captura-de-Tela-2017-03-09-a`s-08.12.10

              Na noite deste sábado um grupo de jovens, atrapalhava o sossego alheio com som automotivo com volume acima do permitido por lei.

              O fato ocorreu em uma praça localizada no bairro Jardins em São Gonçalo do Amarante, grande Natal.

              A Polícia Ambiental, Guarda Municipal e secretaria do meio ambiente foram acionados após denúncia feita por moradores da região.

              Os órgãos envolvidos na “batida policial” ao chegarem ao local viram que o som estava com volume acima do permitido por lei e apreendeu o equipamento e notificou o proprietário do carro de acordo com Código de Trânsito Brasileiro.

              Via Certa Natal
              GUARDA E PM

                A Guarda Municipal de São Gonçalo do Amarante/RN e a Polícia Militar iniciaram, na última segunda-feira (21), operação São Gonçalo Segura, coordenada pela Secretaria Municipal de Defesa Social, que busca coibir ações de criminosos, como assalto, no transporte público. A ação foi estendida durante toda semana.

                Os agentes de segurança do município e da 2ª Companhia do 11º Batalhão da PM atuaram na fiscalização e abordagem de veículos em barreiras itinerantes, com apoio da Central de Videomonitoramento da Prefeitura. Na quinta-feira (17), três pessoas que estavam sob controle de criminosos foram resgatadas.

                JRS_4026-1200x795

                  A Prefeitura de São Gonçalo do Amarante, por meio da Secretaria Municipal de Trabalho, Assistência Social e Cidadania (Semtasc) realiza semanalmente a entrega de frutas para famílias em situação de vulnerabilidade social. Recebem o benefício as comunidades de Serrada, Pedrinhas, Novo Santo Antônio, Padre João Maria, Guanduba, Guajirú, Serrinha e Ruy Pereira.

                  A entrega acontece semanalmente em regime de rodízio, de forma que cada comunidade é atendida uma vez a cada bimestre. Na última segunda-feira (21), a distribuição aconteceu em Serrada. Na ocasião, 110 famílias foram beneficiadas.

                  images-4

                    Debates e conversas sobre o parto humanizado vêm ganhando repercussão nos ciclos sociais. Mulheres foram, por anos, condicionadas a vivenciar situações de violência e constrangimento devido à assistência centrada na atuação médica e não nas necessidades e escolhas naturais da mulher. É nesse contexto, em razão de uma experiência pessoal da diretora Catarina Doolan, que “A Parteira” surge. O filme, que foi contemplado pelo edital Cine Natal 2016, terá sua estreia na quarta-feira, 30/01, às 19h30, no Festival Cine Verão, em Ponta Negra.

                    “De início percebia o filme com um viés político. Buscava ilustrar a retomada do protagonismo da mulher em suas escolhas na hora de parir, e estimular a reflexão sobre o caráter natural e fisiológico do parto, em oposição à natureza hospitalar que lhe foi atribuída com o tempo. Entretanto, com o tempo, convivendo com Donana, percebemos que esse não é um filme sobre parto, sobre a política que envolve a luta pela humanização, mas um retrato de uma mulher com quem muitas mulheres podem se relacionar e que é, sim, dona de suas próprias escolhas”, conta Catarina Doolan, diretora, roteirista e produtora executiva do documentário.

                    A partir daí, surgiu o gancho de um filme de personagem, com o propósito de retratar uma mulher: filha, mãe, madrinha, mãe de santo, parteira, curandeira, enfermeira. Que não se permite levar pelos julgamentos da sociedade para viver a vida que escolheu para si. Ana Maria Valcácio da Silva (Donana) é uma figura excêntrica e apaixonada pelo seu ofício de parteira o qual desenvolve desde os 16 anos de idade. Hoje, aos 65 anos, com meio século de profissão e mais de mil partos, Donana representa a Associação de Parteiras de São Gonçalo do Amarante. “Todas as mulheres podem olhar para ela e se identificar ou se inspirar de alguma forma”, completa Catarina.  (mais…)

                    AUTO

                      A Prefeitura Municipal São Gonçalo do Amarante/RN, através da Fundação Cultural Dona Militana, vai contar a história do padroeiro da cidade em um espetáculo musical. O Auto do Santo Gonçalo será encenado nos dias 1 e 2 de fevereiro, no patamar da Igreja Matriz, Centro, às 20h.

                      Com duração de 1h e 10 minutos, ao ar livre, a vida e peregrinação do pároco Gonçalo, o beato que pregava gratidão, bondade e misericórdia, serão abordados no palco. “São justamente esses temas que queremos abordar no espetáculo para provocar uma reflexão nos espectadores. Será que estamos, verdadeiramente, sendo cristãos?”, observa Flávio Henrique, presidente da Fundação Cultural.

                      A direção do espetáculo é de Gleydson Almeida, com texto e trilha sonora de Danilo Guanais. Estão envolvidos 42 artistas são-gonçalenses. O Investimento é de R$ 120 mil oriundos do Fundo Municipal de Cultura.